Arquidiocese de Palmas

Sem categoria › 22/09/2020

Arcebispo de Palmas visita o Hospital de Amor do Tocantins e reafirma o apoio da Igreja

Na terça-feira, 22, o arcebispo de Palmas, Dom Pedro Brito Guimarães, realizou uma visita às instalações do Hospital, junto a idealizadora da vinda do HA para o Tocantins, a arquiteta Mônica Avelino. A Arquidiocese de Palmas é parceira do Hospital de Amor do Tocantins desde o início do projeto de sua criação, em 2018, contribuindo com a sensibilização das pessoas a colaborarem, de alguma forma, para a construção do mesmo.

Dom Pedro explica que devido à crise sanitária, a Igreja não está com condições de contribuir com recursos econômicos e nem de se fazer presente em eventos e campanhas presenciais. Mas Arquidiocese oferece todo o apoio logístico para levar o nome do Hospital de Amor à comunidade. “Estamos participando do projeto desde o início, e iremos contribuir ainda mais. A fé possui um componente terapêutico e contribui para a saúde física e espiritual do ser humano”, assegurou o arcebispo.

Ainda segundo o arcebispo, a Paróquia Mãe Rainha, por conta da sua proximidade física do HA está se preparando para contribuir com os pacientes, doentes e enfermos, e seus acompanhantes. “Nossa contribuição parece pouca, porém, fazemos de coração, com fé e esperança, que para Deus vale muito”.

O HA de Palmas será referência para todo o Estado do Tocantins e para a Região de entorno. Conforme a arquiteta Mônica Avelino, a previsão para inaugurar das primeiras unidades do Hospital é de 60 dias. O bloco comporta as alas do administrativo, ambulatório e prevenção. O Governo está agilizando junto ao Hospital, o funcionamento da quimioterapia e da radioterapia para os próximos meses. “A expectativa é de atender 800 pessoas por dia, após finalizar as obras, com previsão para 2022”, relatou a arquiteta.

Participaram também da visita o Padre Lenício, da Paróquia Mãe Rainha, o psicólogo voluntário, Fernando Machado, o vice-presidente da Federação Espírita do Tocantins, Daniel Araújo e a arquiteta voluntária Heloiza Vieira.

Sede do Hospital de Amor / Foto: Divulgação

A obra

A construção do Hospital de Amor, em Palmas, está orçada em R$ 120 milhões e contempla três unidades: de diagnóstico, tratamento e de prevenção e pesquisa. O Hospital do Amor do Tocantins funcionará como uma filial do Hospital do Amor de Barretos-SP, reconhecido como um dos melhores centros especializados em tratamento de câncer no Brasil e na América do Sul. A construção dos três blocos em Palmas acontece simultaneamente.

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.

X