Arquidiocese de Palmas

Arquidiocese de Palmas promove Formação Missionária e inicia Exposição sobre sua Vida e Missão

Nesta sexta-feira, 15, a Arquidiocese de Palmas realiza, sob a ótica do Ano Missionário, uma Formação para Missionários Paroquiais e uma Exposição que contará sua trajetória. As ações que acontecem no Colégio São Francisco até o dia 17, também são preparatórias para o Jubileu dos 25 anos da Arquidiocese de Palmas, que irá celebrar um triênio culminando em 2021 com a inauguração da Catedral do Divino Espírito Santo.

Definido na VI Assembleia Arquidiocesana de Pastoral em 2018, o Ano Missionário encerra-se em outubro de 2019. Seu objetivo maior é despertar as comunidades da Arquidiocese de Palmas para o anúncio de Jesus Cristo, por meio do serviço, do testemunho e do diálogo, em estado permanente de missão, como expressão visível de uma Igreja convertida e em saída. Será um ano voltado a ações e vivências missionárias em toda a arquidiocese.

As ações poderão ocorrer com a implantação do COMIPA (Conselho Missionário Paroquial), nas Paróquias, e durante todo o ano acontecerá a missão “porta a porta” com as Semanas Missionárias Paroquiais, inspirados no que diz o papa Francisco: “Batizados e Enviados”. Missão com o anúncio do querigma através da arte, em lugares de públicos, de grande movimento para evangelizar mais pessoas; realização das Santas Missões Populares em toda a Arquidiocese, indo a todos os lugares, campos e cidades, entre outras. Os objetivos destas atividades constam em transformar as paróquias de meras administradoras, à paróquias missionárias.

Em consonância ao Decreto assinado por Dom Pedro Brito Guimarães, Arcebispo Metropolitano de Palmas, toda a Arquidiocese receberá e acompanhará a Exposição que relata sua Vida e Missão, a qual inicia-se hoje, dia 15, no Colégio São Francisco e percorrerá o primeiro ano em preparação para o Jubileu dos 25 anos.

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.

X