Arquidiocese de Palmas

Aula Inaugural e Apresentação Pública do Seminário marcam semana

Esta semana que passou foi marcada por três grandes eventos promovidos pelo Seminário Interdiocesano do Divino Espírito Santo.

Na segunda-feira, dia 7, Dom Pedro Brito Guimarães celebrou a Missa em Ação de Graças pela abertura do semestre letivo no Centro de Estudos Superiores Mater Dei, instituição de ensino ligada ao Seminário. Realizada na paróquia Santa Filomena, com a presença de Dom Rodolfo (prelazia de Cristalândia) e Dom Giovane (diocese de Tocantinópolis), e dos padres formadores e professores, a Santa Missa contou ainda com a presença de todos os seminaristas da Província Eclesiástica de Palmas e das Novas Comunidades de Vida.

Em sua homilia, Dom Pedro fez uma reflexão sobre o Tratado da Criação, destacando a importância de se cuidar do meio ambiente e como o que Deus criou é bom e merece atenção.

Aula Magna

Em seguida, Dom Giovane, bispo de Tocantinópolis, proferiu a Aula Magna de abertura dos cursos de Filosofia e Teologia, com o tema "A vivência comunitária da fé: desafios e perspectivas". Em sua exposição, que durou uma hora, Dom Giovane abordou as mudanças de paradigmas que a sociedade está passando, e como isso interfere na evangelização e na vivência da fé. "Em especial nos centros urbanos, há um grande trânsito religioso, com múltiplimas confissões de fé agregadas. O indivíduo “cria” sua própria religião, com os matizes que mais lhe agradam de cada confissão religiosa", analisou o prelado.

Sua fala foi encerrada com a resposta de questões levantadas pelos presentes.

Apresentação Pública

Na noite do dia 9, quarta-feira, na Casa de Maria, todos os 57 seminaristas do Seminário Interdiocesano foram apresentados publicamente ao povo de Palmas, em missa presidida por Dom Pedro Brito. Em procissão com túnicas, a presença dos seminaristas foi um sinal de fé para boa parte dos presentes.

Em sua homilia, Dom Pedro destacou a importância de "enfeitar" por dentro, ou seja, de levar uma vida digna dos valores do Evangelho.

Ao final da celebração, os seminaristas conduziram a imagem de Nossa Senhora Rainha da Paz e se consagraram à Mãe de Deus.

 

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.

X