Arquidiocese de Palmas

Comunidade Shalom reúne jovens na França em apelo pela paz mundial

PARIS, 23 Nov. 15 / 12:39 pm (ACI).- Em um momento em que a França vive sob a tensão decorrente dos atentados terroristas em Paris, em 13 de novembro, centenas de jovens de diversos países se reuniram em Evry, a 30 quilômetros da capital parisiense, como “corajosos operadores da paz”. Foi o Congresso de Jovens Shalom Europeu (CJS), que aconteceu de 20 a 22 de novembro.

Mais de 400 jovens de 17 países da América, África, Europa e Ásia, participaram do CJS, incentivados pelo Bispo de Evry, Dom Michel Dubost, que se manifestou após os atentados definindo o encontro como forte sinal pela paz, e pedindo que os participantes fossem para o evento “sem medo”.

A juventude atendeu ao pedido do Prelado e fez do Congresso um forte apelo pela paz mundial.

O presidente do Pontifício Conselho para os Leigos, Cardeal Stanislaw Rylko, enviou ao fundador da Comunidade Shalom, Moysés Azevedo, e aos participantes do evento uma mensagem na qual encorajou a realização do Congresso de Jovens Shalom e pediu que os jovens estejam na linha de frente na construção da paz no mundo.

 

“Em particular, depois dos terríveis atentados de 13 de novembro em Paris, podemos dizer que hoje, de maneira especial, temos absoluta necessidade de corajosos operadores da paz (cf. Mt 5,9), de filhos de Deus que possam abrir os caminhos da paz onde humanamente isto pareça quase impossível”, escreveu o Cardeal.

No texto, o presidente do Pontifício Conselho para os Leigos sublinhou o tema do CSJ, “Felizes os puros de coração, porque verão a Deus” (Mt 5, 8), que foi o mesmo da XXX Jornada Mundial da Juventude celebrada neste ano em nível local.

Cardeal Rylko recordou que o Papa Francisco já havia pedido aos jovens na JMJ do Rio de Janeiro, em 2013, que fizessem das bem-aventuranças um programa de vida, tendo, logo após, feito destas os temas das Jornadas de 2014 a 2016.

Lembrando que o Pontífice solicitou à juventude ter “a coragem da verdadeira felicidade”, o Purpurado indicou que “hoje mais do que nunca é necessária uma grande coragem para seguir Jesus e colocar em prática as bem-aventuranças”.

“Estejam vós, caríssimos jovens, na linha de frente na árdua tarefa de construir a paz no mundo hodierno”, exortou o Cardeal.

Ele citou ainda o trecho da mensagem do Santo Padre para a XXXI Jornada Mundial da Juventude, quando recorda que há “tantos jovens que dizem estar cansados deste mundo assim dividido, no qual diferentes facções em conflito, estão em guerra e ainda aqueles que usam a própria religião como justificação para a violência”.

Segundo Cardeal Rylko, “diante da potência das trevas, é mais forte ‘a presença de Deus que se opõe a todas estas forças com seu poder totalmente distinto e divino: com o poder da misericórdia. É a misericórdia que põe um limite ao mal. Nela se exprime a natureza toda particular de Deus – a sua santidade, o seu poder de verdade e de amor’ (Bento XVI, Homilia em ocasião da Festa da Divina Misericórdia, 15.04.07)”.

O Congresso de Jovens Shalom Europeu teve início com a Missa e a vigília de intercessão pela paz, no dia 20. O evento seguiu no sábado e no domingo com momentos de oração e louvor, adoração ao Santíssimo Sacramento, Missa, shows musicais e teatrais. Contou ainda com palestras do Bispo de Evry, Dom Michel Dubost , do fundador da Comunidade Católica Shalom e consultor do Pontifício Conselho para os Leigos, Moysés Azevedo, e do responsável pelo Setor Juventude do mesmo dicastério, Padre João Chagas.

Confira também:

Parisienses lotam as igrejas da capital para rezar após atentados terroristas

http://www.acidigital.com/noticias/parisinos-lotam-as-igrejas-da-capital-para-rezar-apos-atentados-terroristas-16209/

Etiquetas: Comunidade ShalomAtentados em ParisEstado Islâmicopaz,Juventude

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.

X