CONHEÇA A LETRA, A MÚSICA, A PARTITURA E APRENDA A CANTAR O HINO DOS 10 ANOS DA REPAM

Foi lançada na segunda-feira, 20 de maio, durante uma live, a música do hino oficial em comemoração aos 10 anos da Rede Eclesial Pan-Amazônica – REPAM. Desde o início do ano, a Rede se prepara para celebrar, no dia 12 de setembro, uma década dedicada à missão de ser e estar a serviço da vida dos povos e do cuidado com a Casa Comum.  

Letra do Hino

A  autoria é do arcebispo de Palmas,  Dom Pedro Brito Guimarães, que também é vice-presidente da REPAM-Brasil. A letra “Ó querida e amada REPAM” foi inspirada na caminhada da organização.  

Dom Pedro afirmou que a música foi construída de forma atemporal para ser utilizada não só nos 10 anos da REPAM. “Gostaríamos que fosse um hino, uma trilha sonora para ser utilizadas nas programações e atividades da REPAM, porque as vezes percebo que nos falta poesia em nosso trabalho missionário e pastoral. Penso sempre que somos muito técnicos, políticos, profissionais, razão e precisamos de poesia para missão também”, destaca.  

“Nessa poesia eu dei esse tom querida e amada Amazônia REPAM, como artesã, com manhã, sinodal. Dando uma série de metáforas. Lembrei dos barcos pequenos, tenda armada, caravana, catavento e inclui palavras cheias de significado e compus a letra”, explica o vice-presidente da REPAM.

Autor da Música

A música foi criada pelo compositor e pároco da paróquia São Gregório Nazianzeno, em Turvânia (GO), padre Wallison Rodrigues. Ele conta que a música nasceu como um grito. “O hino é um grito, de fato, de quem quer manifestar essa missão. Desperta em cada manhã a mesma força. Foi diante desse espírito que o início da música surgiu, ou seja, de um grito”. 

“É um canto de festa, mesmo estão embalados pelas vozes e cadência da percussão. Mas sobretudo, o que chamou a melodia, o hino tem que estar ligado ao batido do coração. O refrão exige que cante num ritmo mais compassado e as estrofes com mais movimentos. Quando fiz, a noitinha, o coração já batiam mais cansado. E no início da manhã do outro dia ao sentir a melodia, fiz com que a percussão fosse crescendo e começasse entendendo o que se canta, e fosse crescendo e explodisse no final. Para que quem a ouça possa sentir de uma forma e interpretá-la”, conta o padre Wallison. 

Vozes

A Irmã Flávia Gonçalves, que é uma das vozes na música “Ó Querida e Amada REPAM”, conta que no início teve receio de não dar conta, mas que depois foi entendendo o sentido da gravação e daquilo que a REPAM faz muito bem: a inclusão das pessoas que estão lá nas comunidades, as pequenas comunidades indígenas, as rurais, a evangelização da catequese, da liturgia e das famílias. 

“O convite e ter participado da gravação deixou-me feliz, pois foi e é uma forma de incluir todas as pessoas que fazem esse trabalho de formiguinha nas comunidades a trabalhar nesse projeto tão bonito da REPAM. A música traz essa identidade da REPAM, logo quem a ouvir vai se sentir dentro da Amazônia. Gratidão pela oportunidade de contribuir nessa canção”, ressaltou a religiosa.  

 

Faça o download da letra em PDF aqui.

Partitura

Clique AQUI e baixe a partitura cifrada do hino 

Fonte: CNBB

Posts Relacionados