Arquidiocese de Palmas

Diácono Cláudio Gomes e Candidato ao Diaconato Roberto César, da Arquidiocese de Palmas apresentam Trabalho de Conclusão em curso de Teologia

Diácono Cláudio e esposa

O Diácono da Arquidiocese de Palmas, Cláudio Gomes Borges, apresentou neste mês o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC), no Centro Universitário Internacional – UNINTER, no Curso Superior de Teologia – Doutrina Católica, que teve duração de três anos, e foi aprovado com nota máxima.

O trabalho engloba a Teologia Católica, e é uma Tese sobre o Batismo. Conforme Cláudio, uma das atribuições do Diácono é o Ministro Ordinário do Batismo, que realiza as cerimônias, e muitas vezes os Diáconos são questionados do porque a Igreja Católica batiza crianças, sendo que as outras batizam os adultos, muitos querem saber qual a fundamentação. Sendo assim, sua escolha e título do trabalho foi: “A prática de batizar crianças na Igreja Católica”.

O Diácono afirma que a realização do trabalho foi um tempo de muito estudo, muita pesquisa e aprendizagem. “O meu objetivo também foi estar mais preparado para ajudar na Escola Diaconal da Arquidiocese, por isso ingressei no curso. A escolha da Tese foi feita por levar em consideração nossas atribuições e também para conseguir responder a tantos questionamentos que nos fazem a respeito do tema”, explicou.

Candidato ao Diaconato Roberto César

Além disso, o candidato ao Diaconato Permanente, da Escola Diaconal São Lourenço da Arquidiocese de Palmas, Roberto César Prestes, também apresentou seu Trabalho de Conclusão, intitulado por “O Diaconato Permanente na Igreja Católica Romana: Sua Importância de desafios”.

Conforme o candidato, o que motivou a estudar a Teologia católica, primeiramente, foi para conhecer a sua fé, e também amar mais a igreja. “O meu objetivo foi conhecer mais a Deus, e servir os irmãos. Viver uma vida pastoral e trabalhar nela de forma que possa ajudar os irmãos crescerem na fé. O motivo da escolha do tema do TCC, foi devido a realidade que vivo como candidato, podendo ser ordenado no dia 27 de novembro de 2021, comemorado o dia de Nossa Senhora das Graças”, explicou.

Além disso, Roberto César afirma que o tema é uma realidade antiga e nova na Igreja, sobretudo após a restauração do Diaconato Permanente, determinada pelo Concílio Ecumênico Vaticano II.

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.

X