Arquidiocese de Palmas

Hospital do Câncer de Barretos, poderá ser construído no Tocantins.

Dom Pedro Brito Guimarães esteve presente ontem (31) na solenidade de lançamento da construção do Hospital de Câncer de Barretos, em Palmas – TO, que aconteceu no auditório da Justiça Federal localizado na 201 Norte.

O evento contou com a presença da Vice governadora Cláudia Lelis, da vice prefeita Cínthia Ribeiro, da arquiteta idealizadora do projeto Sra. Mônica Avelino, do Dr. Henrique Prata, Presidente do Fundo Pio XXII que é o mantenedor do Hospital do Câncer de Barretos em Sã Paulo, entre outros convidados voluntários da sociedade civil e autoridades.

Para a abertura da solenidade foi convidado a falar o reitor da Faculdade Católica do Tocantins, Pe. José Romualdo Degasperi.

A Faculdade Católica do Tocantins é uma das entidades voluntárias que apoiam a conclusão desta importante obra social, juntamente com Empresários e Comerciantes que podem aumentar sua participação ao desenrolar do processo. Estão envolvidos diretamente na consolidação desse importante projeto no Tocantins o empresário José Rubens Carvalho conhecido como Rubikinho, a arquiteta Mônica Avelino e o empresário e pioneiro nessa luta Darci Garcia. “É muito importante que muito mais pessoas se envolvam, assim serão mais esforços somados, precisamos que políticos, empresários, estudantes, profissionais autônomos façam parte dessa corrente, façam parte desse projeto que é ousado, mas possível”, ressaltou Mônica Avelino.

Segundo a arquiteta e idealizadora da construção, Mônica Avelino, A previsão é que em 2020 o Hospital de Câncer do Tocantins esteja em plena atuação, pronto e atendendo a população tocantinense. Claro que toda a sua efetividade vai depender das parcerias e do empenho de pessoas, políticos, gestores públicos e privados.

O Hospital de Câncer do Tocantins terá como mantenedora a Fundação Pio XII, a mesma entidade mantenedora do Hospital do Câncer de Barretos (SP). Atualmente o Hospital de Barretos atende 428 pacientes do Tocantins, provenientes de 65 municípios do Estado e é referência no tratamento do câncer.

O Hospital no Tocantins estará numa área de 78 mil metros quadrados, sendo que 54.500 mil metros quadrados foram doados pelo Governo do Estado e 22 mil pela Prefeitura de Palmas. Na fase inicial o hospital terá 15000 metros quadrados de área construída. A estimativa é que abrigue uma equipe de 756 funcionários e 195 médicos. Estima-se uma capacidade operacional de atendimento de 25 mil pacientes/ano.

Durante o evento foram homenageados entusiastas da ideia, o empresário e pioneiro, Darci Garcia e sua esposa Nilzair Garcia, o padrinho do Hospital Rubikinho, o presidente da Fundação Pio XII, Henrique Prata, além da psicóloga Taiana Avelino Arrais, mestre em saúde pública e especialista em psico-oncologia.                   

Deputado Estadual, Nilton Franco, durante a solenidade de lançamento, hipotecou apoio a este importante Hospital e foi o primeiro doador durante o evento. Na ocasião Nilton Franco anunciou uma emenda de $500 mil para a construção.                       

 

 

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.

X