Arquidiocese de Palmas

Artigos › 19/02/2019

Mensagem ao clero da Arquidiocese

Meus caros irmãos, presbíteros e diáconos,

Tenho Sede!

 

Já estamos no limiar da Semana Santa. E à medida que se aproxima o fim da caminhada quaresmal, já vislumbramos, no horizonte, a chegada dos “dias grandes” – como eram chamados por nossos avós, – tempo de graça e de bênção, um verdadeiro retiro espiritual para o nosso povo.

Esperamos que o ciclo quaresmal tenha ocorrido no espírito dos quarenta dias de peregrinação do povo de Deus no deserto e da travessia do mar vermelho, rumo à Terra Prometida. Esperamos também que a mística da Campanha da Fraternidade 2012 tenha trazido saúde nesta peregrinação, do deserto ao Jardim das Oliveiras. Esperamos, enfim, que os retiros, especialmente o da Terra Santa, tenham contribuído para aumentar o amor e o ardor, o encantamento e a paixão por Jesus Cristo. Ele mesmo assim se posicionou: “quando eu for levantado da terra, atrairei todos a mim” (Jo 12, 32). Levantado, Ele já foi. Atraídos por Ele, certamente já estamos.

Gostaríamos de recordar o que já foi anunciado, por mim, verbalmente, e por meio de carta, pelo padre Agostinho: o compromisso do dia quatro de abril. Neste dia, teremos dois momentos significativos, distintos, mas complementares:

O primeiro: Tarde de Espiritualidade – iniciando às 14h:00 e terminando às 17h:00. O local será o Campus 2 da Faculdade Católica, na T0 050, entre a Saneatins e a ponte do Ribeirão Taquruassu. O padre José Carlos, reitor do Seminário, irá nos ajudar a entrar decididamente no espírito da Semana Santa. Tragam, por favor, para este momento: Liturgia das Horas, Bíblia, papel e caneta. Por bondade, venham trajados de clégima, pois pretendemos tirar fotografias para o Diretório da Arquidiocese.

O segundo: Missa dos Santos Óleos e da Unidade – na Casa de Maria, às 19h:30. Pedimos encarecidamente que tragam os estojos dos Santos Óleos, vazios e limpos. Entreguem-nos na sacristia, antes da missa. De cada paróquia deverão vir ao menos duas ou três pessoas para receberem, juntos com o padre, os referidos Óleos.

Para os dois eventos todos os padres e todos os diáconos são convocados. Que ninguém falte, a não ser por motivo justificável.

Recomendamos vivamente as motivações para a coleta da Solidariedade, no domingo de Ramos, e dos lugares Santos, na sexta-feira Santa.

No mais, nos veremos brevemente, com a graça de Deus.

Que tenhamos um início de Semana Santa, rico das graças e das bênçãos do Senhor Jesus, que por nosso amor morreu na cruz.

Fiquem com Deus. Com minha bênção!

Dom Pedro Brito Guimarães,

Arcebispo de Palmas

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.

X