Arquidiocese de Palmas

MISSA DE CINZAS MARCA INÍCIO DA QUARESMA E LANÇAMENTO DA CAMPANHA DA FRATERNIDADE 2019

Próximo dia 06 de março, a Igreja Católica celebra a Quarta-feira de Cinzas, momento que marca o início da Quaresma, tempo litúrgico em que os fiéis são convidados a viverem mais fortemente em jejum, caridade, conversão e oração, nestes 40 dias que antecedem a Páscoa do Senhor Jesus Cristo. O período quaresmal é voltado também para a reflexão e vivência da Campanha da Fraternidade que este ano vem com o tema “Fraternidade e Políticas Públicas”, e o lema “Serás libertado pelo direito e pela justiça (Is 1,27)”.

Conforme o Arcebispo Metropolitano de Palmas, Dom Pedro Brito Guimarães, a campanha não é exclusividade do Brasil. “A CF brasileira já foi copiada por diversos países. Na Alemanha, por exemplo, há uma Campanha semelhante a esta, chamada de “Misereor”, também no tempo da quaresma, que arrecada doações para financiar projetos sociais em várias partes do mundo”.

Ainda conforme o Arcebispo, a conversão que se prega no tempo da quaresma é para ter-se misericórdia do pecador, do sofredor e dos socialmente vulneráveis, como teve o bom samaritano. A CF também pede um gesto concreto penitencial para financiar projetos sociais e tem basicamente estes dois sentidos, um penitencial religioso que trata de despertar o espírito cristão da penitência e da conversão do povo de um pecado social que contradiz o Evangelho de Jesus Cristo, por afetarem a vida da maioria da população; e um sentido penitencial social de despertar a consciência para o compromisso cidadão, através de gestos concretos para a resolução desses problemas.

“Aliás, gostei muito da definição de políticas públicas como “resolução de problemas”, de acordo com o Texto Base da CF. Pode não ser a melhor definição, mas certamente é a mais simples e mais direta, que todo mundo entende. O que de fato a Igreja quer com esta CF é que os problemas que a população enfrenta no seu dia-a-dia sejam resolvidos; e que o dinheiro público seja aplicado em benefício de todos, especialmente dos mais pobres, nas áreas da saúde, educação, segurança, moradia, emprego, renda, mobilidade, seguridade alimentar, saneamento básico, previdência social, entre outros”, observou o Arcebispo.

“É missão da Igreja prestar estes serviços à sociedade. No que se refere às políticas públicas, devemos ter três olhares: o olhar amoroso, o olhar cuidadoso e o olhar esperançoso”, ressaltou Dom Pedro.

Toda comunidade é convidada a vestir a camisa da CF-2019 e arregaçar as mangas, participando, inicialmente, do estudo do Texto Base, dia 09 de março, na Paróquia Mãe Rainha, das 8h30 às 12h. Haverá lançamentos também nas Casas de Leis, dia 14 de março, na Assembleia Legislativa e dia 20 de março, na Câmara Municipal de Palmas, ambos a partir das 9h.

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.

X