Arquidiocese de Palmas

Organizadores da JMJ Cracóvia 2016 anunciam 5 novidades

ROMA, 20 Jun. 16 / 06:00 pm (ACI).- Faltando seis semanas para Jornada Mundial da Juventude em Cracóvia, na Polônia, continuam os preparativos para o encontro do Papa Francisco com aproximadamente dois milhões de jovens provenientes de 185 países. Confira a seguir as cinco novidades que foram anunciadas pelos organizadores.

1. Missas em latim e homilias em italiano

O Mestre das Celebrações Litúrgicas do Papa Francisco, Dom Guido Marini, indicou que os eventos centrais da JMJ com o Papa Francisco – como a MissaFinal – serão celebrados em latim e as homilias serão pronunciadas em italiano.

Acrescentou que a liturgia terá elementos da Igreja Católica Grega devido à quantidade de peregrinos dessa região que estarão na JMJ.

2. Máxima segurança

 

O Ministério de Assuntos Interiores indicou que para garantir a máxima segurança da JMJ, haverá 20 mil policiais, 2400 bombeiros, 1500 guardas de fronteira e 800 membros do Escritório de Proteção do Governo. Além disso, 400 soldados poloneses e 350 estrangeiros participarão como peregrinos nos eventos da JMJ entre os dias 26 e 31 de julho.

3. “Estrados da Misericórdia”

Já terminaram de construir os estrados no parque de Blonia e no Campus da Misericórdia, onde o Papa Francisco presidirá alguns eventos principais durante a JMJ como a Vigília e a Missa Final.

Possui um estilo simples, com a imagem de Jesus Misericordioso no centro de ambos os altares e à esquerda estão as de São João Paulo II e Santa Faustina Kowalska, considerados como “os apóstolos da misericórdia”.

No lado esquerdo, foi colocada uma cruz e a pedra do altar será a mesma utilizada pelo Papa São João Paulo II em sua última visita a Polônia em 2002 e pelo Papa Bento XVI em sua visita apostólica em 2006.

4. Confissões com o Papa

No dia 30 de julho, o Papa Francisco visitará o Santuário da Divina Misericórdia Lagiewniki e se tornará o primeiro Pontífice que atenderá confissões nesse lugar. Segundo informações da página oficial da JMJ, o Santo Padre confessará cinco jovens em italiano, espanhol e francês.

5. Obras de caridade no Campus da Misericórdia

No Campus da Misericórdia – onde será celebrada no dia 30 de julho a Vigília de Oração e, no dia 31, a Missa Final com o Papa Francisco – construíram duas obras de caridade que respondem ao apelo do Ano da Misericórdia.

O Diretor da Cáritas na Arquidiocese de Cracóvia, Pe. Bogdan Kordula, indicou que está sendo construído “um lugar de reabilitação física e de lazer para pessoas maiores de idade. Além disso, será acolhida permanentemente certa quantidade de idosos a fim de oferecer-lhes a melhor atenção possível”.

Também será organizado um armazém de 800 metros quadrados chamado “Pão da Misericórdia” e ali será guardada a comida destinada aos mais pobres”.

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.

X