Arquidiocese de Palmas

Padres Paulo Cristiano e Camilo recebem Título de Cidadão Palmense nesta quinta-feira

Durante sessão solene, nesta quinta-feira, 07, o Padre Paulo Cristiano Luz Frade, Vigário Geral da Arquidiocese e Padre João Camilo Macário, Vigário da Paróquia São João Batista, receberam como homenagem o Título de Cidadão Palmense, na Câmara Municipal de Palmas. 

As homenagens foram feitas pelos vereadores, como forma de reconhecimento pelo trabalho e a missão realizada na comunidade de Palmas com a sociedade em geral, conta os Padres. 

Históricos

Padre Paulo Cristiano Luz Frade
Natural da cidade de Varginha-MG, mas morador de Palmas desde 1996, formado em Teologia no Instituto de Tecnologia de Santa Catarina – ITESC, tornou-se o primeiro Diácono da Arquidiocese, em 1996. Foi vice-diretor e fundador da Escola Diaconal São Lourenço de Palmas.

Já atuou nas Paróquias Jesus de Nazaré Comunidade São Francisco de Assis, na Aureny II. Ordenou-se sacerdote em 2002, sendo 2º Pároco da Paróquia Nossa Senhora Aparecida, em Taquaralto e Vigário Paroquial da Paróquia Nossa Senhora do Rosário, em Taquaruçu. Foi o 1º administrador Paroquial da Paróquia Imaculada Conceição, em São Félix, Vigário Paroquial da Paróquia Divino Espírito Santo, em Mateiros e Vigário Episcopal da Região São João Evangelista, região Sul da Capital. De 2011 a 2015 foi Pároco da Paróquia Santo Antônio, na Aureny III, de 2015 a 2017 da Paróquia São João Batista.

Hoje, Padre Paulo Cristiano é defensor do Vínculo e Promotor de Justiça do Tribunal Arquidiocesano de Palmas, Vigário Geral da Arquidiocese de Palmas e Tesoureiro do Instituto da Misericórdia.

Padre João Camilo Macário
Natural de Cambuquira-MG, foi seminarista Franciscano e Camiliano, passando em seguida pela Arquidiocese de Goiânia. Mudou-se para Palmas em 1996, ordenando-se diácono no mesmo ano, tem grande história cristã pela Capital. Foi fundador da Comunidade Missionária da Misericórdia Divina e presidente do Conselho Diaconal do Regional Centro Oeste. Ordenou-se sacerdote em 2002, sendo Pároco da Paróquia Nossa Senhora do Rosário, em Taquaruçu e Vigário Paroquial da Paróquia Nossa Senhora de Aparecida, em Taquaralto. Dentre suas atribuições, Padre Camilo foi Vigário Episcopal da Região São João Evangelista, responsável pelo Setor Juventude e Assessor Eclesiástico da Comissão Regional Norte 3 da Juventude, Juiz do Tribunal Eclesiástico e membro da Comissão Nacional da Juventude da CNBB.

Atualmente é presidente do Instituto da Misericórdia e diretor e fundador da Escola de Evangelização Santo André.

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.

X