Arquidiocese de Palmas

Palmas, Capital da Fé ?

Este é o título do artigo escrito pelo Pe. Eduardo Zanom, pároco da Catedral Divino Espírito Santo, e publicado no jornal do Tocantins na data de hoje (24), que faz referência e chama a refletir se: “a fé deve ser considerada algo privado ou um fator cultural? ”.

O fato desencadeou-se por conta do espaço que o assunto “ Palmas, Capital da Fé”, festival Gospel realizado durante o feriado de carnaval na capital do Tocantins, tem tomado na mídia e no Judiciário nas últimas semanas em consequência a uma entrada de recurso pedindo a suspensão do evento por parte da Atea (Associação Brasileira de Ateus e Agnósticos), argumentando que o evento teria interesse particular e não cultural.

Fato este que a Desembargadora Ângela Prudente (TJ-TO) decide a favor da continuidade do festival, através do texto em que justifica que há interesse público geral e interesse público de caráter setorial e que não considera a realização do Palmas, Capital da Fé “um incentivo público a culto religioso ou da Igreja, mas um evento de interesse público exclusivamente cultural, econômico e de entretenimento à população. ” E conclui afirmando que não há uma pertinência lógica que justifique proibir a atuação municipal em promover o referido evento.O TJ-TO, entende que o fato de haver conotação religiosa não fere o art.19, inciso I, da Constituição Federal. Uma vez que a mesma norma que estabelece o Estado laico também autoriza a colaboração de interesse mutuo.

Padre Eduardo através de seu texto busca mostrar a coerência cultural e religiosa, argumentando com pertinência histórica a formação do povo e do Estado do Tocantins e justifica: “…a fé, o ato de crer, deixou de ser um fato isolado ou particular de um grupo de cidadão para fazer parte da coletividade palmense.”

Acesse o link e leia artigo na integra.
http://www.jornaldotocantins.com.br/editorias/opiniao/tend%C3%AAncias-ideias-1.456289/palmas-capital-da-f%C3%A9-1.1230901

E para encerrar; a última informação é que a programação de hoje do "Palmas, Capital da Fé", foi adiada e começará somente amanhã. A Prefeitura de Palmas informou que a mudança aconteceu por conta da incidência constante de chuvas que atrapalharam a montagem da estrutura do palco para as apresentações, desta forma os shows que aconteceriam hoje estão marcados para 4ª feira. 

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.

X