Arquidiocese de Palmas

Projeto Linha e Arte – Um Recomeço é inaugurado no presídio do Taquaralto/TO.

Aconteceu hoje (22) pela manhã, a inauguração das oficinas do Projeto Linha e Arte um Recomeço, de realização da Ação Social Arquidiocesana de Palmas (ASAP) em parceria com a Secretaria do Estado de Cidadania e Justiça e Defensoria Pública do Estado do Tocantins.

O Projeto tem como objetivo a recuperação, profissionalização, ressocialização e iniciação ao mercado de trabalho de 50 mulheres detentas  do sistema prisional do Taquaralto em Palmas/TO.

Foram entregues 8 máquinas de costura industrial para montagem de um ateliê de costura onde será ministrada as oficinas para a confecção de peças de cama, mesa, banho e lingeries.

Segundo a representante da OAB/TO , sra.Sibeli  Biazotto, a reforma no espaço destinado à oficina aconteceu através de verba do  Conselho Comunitário de Execução Penal  e doação da população.

A Secretária de Estado da Cidadania e Justiça, Gleidy Braga, explicou que  haverá um retorno financeiro para as educandas , mas que o fator mais importante é que será uma forma de readaptação e inclusão dessas mulheres à  sociedade,  visando a qualificação necessária para o ingresso futuro no mercado de trabalho e a garantia do direito ao trabalho.

A Diretora da Unidade Prisional do Taquaralto, Maria Soares Maione, declarou que haverá a criação de um sistema de cooperativa para o desenvolvimento desta ação e que 35 sentenciadas passarão por triagem com psicólogos e assistentes sociais para que participem do projeto.Ela afirmou que ainda não foi confirmado se haverá a remissão de sentenças , mas não descartou esta  possibilidade.

O Arcebispo de Palmas, Dom Pedro Brito Guimarães,  acompanhou todo evento juntamente com representantes da ASAP, dirigiu suas palavras as autoridades e  representantes das detentas narrando sua experiência de criança quando ajudava sua mãe, que era uma costureira, com o trabalho em família.Desejou a todas que a oportunidade fosse bem aproveitada,  para que  se tornassem excelentes costureiras e assim ajudassem suas famílias.

O Arcebispo cortou a fita de acesso a sala de oficina, juntamente com as demais autoridades, entregando oficialmente as máquinas e o material para início das atividades.

Por fim foi realizado um momento de louvor à Deus e benção do espaço.

 

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.

X