Arquidiocese de Palmas

Setor Juventude realiza DNJ 2012

Em todas as dioceses do Brasil foi celebrado o Dia nacional da juventude (DNJ) com o tema Juventude e vida, e o lema ?Que vida vale a pena ser vivida??, no domingo 28. Na Arquidiocese de Palmas, o evento aconteceu no Parque Cesamar, com a participação de aproximadamente 250 jovens. Dinâmicas, gincana, animação e apresentações culturais agitaram todo o dia.

O dia começou com a Oração oficial e o canto do Hino da Jornada Mundial da Juventude (JMJ), que terá sua próxima edição na cidade do Rio de Janeiro em 2013. O Ministério de Música do Grupo Âncora da Alma conduziu um momento de muito louvor e animação. A manhã continuou com os Grupos de Trabalho (GT), comandados pelo Centro Marista de Pastoral, que abordaram com atividades lúdicas e debates o tema do DNJ 2012.

GT?s abordam tema do DNJ 2012

A equipe de assessores do Centro Marista de Juventude preparou grupos de trabalho guiados pelo tema e pelo lema do evento. Os GTs dividiram os jovens presentes no Parque em pequenos grupos que foram se espalhando pelo ambiente.

Em cada grupo houve momentos de mística, reflexão e convivência que levaram a juventude a pensar a sua realidade hoje, a descobrir as barreiras e as dificuldades que impedem o desenvolvimento de grupos de jovens nas comunidades, a exporem suas opiniões sobre como se encontra o jovem em seu ambiente de vida.

Cada grupo concretizou as discussões e reflexões feitas nos GTs através de cartazes e objetos que representaram seus pensamentos e foram ofertados na celebração eucarística que marcou o final do DNJ 2012. A equipe do Centro Marista de Juventude se sentiu feliz com os momentos e perceberam que a missão foi alcançada ao ver o sorriso e a expressão de satisfação no rosto de cada jovem.

Apresentações culturais e Gincana agitam a tarde

O Setor juventude arquidiocesano é composto por todos os movimentos e expressões eclesiais que trabalham a evangelização da juventude. Com isso, a tarde do DNJ foi dedicada aos movimentos e grupos jovens que desejassem apresentar com arte seu jeito de ser Igreja. A Comunidade Sementes do Verbo, o movimento GEN (Geração Nova) do Focolares, a Juventude Missionária, a Fazenda da Esperança foram grupos que com dança, teatro e música levaram a juventude a celebrar esse dia com louvor e beleza.

O Grupo de Escoteiros Católicos São Paulo, da comunidade Sementes do Verbo conduziu a gincana com atividades esportivas, de superação e criatividade animando a juventude.

Segundo a jovem Mariana Cipriano, ?o DNJ foi um dia de nos reunir para erguer um verdadeiro louvor a Deus, e de anunciar a essa juventude que ela tem um Deus e ser um jovem de Deus é se divertir também de maneira sadia e santa, e que essa vida em Cristo nos impulsiona a um caminho melhor, de alegria plena?.

A Santa Missa de encerramento foi presidida por dom Pedro Brito, no salão da Paróquia São José. Em sua homilia o bispo impulsionou a juventude a ser como o cego Bartimeu, a lançar-se por acreditar que Jesus tudo pode.

Veja as fotos no facebook da Arquidiocese: DNJ 2012

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.

X