Arquidiocese de Palmas

TRÊS PONTOS DA HOMILIA PARA A ABERTURA DO SINODO DOS BISPOS 2021-2023

 

A Palavra de Deus é eterna (Sl 18), em meio às vicissitudes, às contingências e às efemeridades da vida

EVANGELIZAR: UMA IDEIA, UMA IMAGEM E UM SENTIMENTO

NOS MEUS DIÁLOGOS NOTURNOS, EM PALMAS

  1. IDENTIDADE, IDENTIFICAÇÃO: Tudo na vida é questão de identificação e de encantamento. Deste sínodo estou um encantado, sou um soldado, um militante, missionário, um guia espiritual, um timoneiro. Este sínodo me representa. O sínodo é a minha/meu RG/CPF/Passaporte. Sou o homem com o cântaro de água. Sou Pedro e André lançando as redes; sou Tiago e João lavando e consertando as redes. Palavra-chave: COMUNHÃO. O Sínodo é a essência da Igreja. É a novidade do catolicismo. Único. Sem precedente histórico. Minha maior alegria é colocar Palmas nos braços do sínodo, nos braços da Igreja, nos braços da comunhão. É o que diz Moisés na primeira leitura: Sou este Moisés: ouve, observa e converte. O melhor presente para este jubileu. O melhor que ocorreu na nossa vida.
  2. GRAÇA: tudo na vida cristã é questão de graça. Este sínodo é uma graça derramada nos nossos corações, no coração da nossa igreja. “Teresa sem a graça de Deus é uma pobre mulher; com a graça é uma forma e uma potência (Santa Teresa). Palavra-chave: PARITICIPAÇÃO. Consolo do Espírito. Segunda leitura: unidos no mesmo querer, na harmonia dos dispersos e dos distantes, não por competição ou vanglória. Sair de si; ir ao encontro do outro. Três palavras-chaves: empatia, incidência e expertise.
  3. FRUTOS DO ESPÍRITO: Tudo que se planta floresce e dá frutos. Tudo é questão de frutificação. Palavra-chave: MISSÃO. Os frutos do Espírito são três, segundo o Evangelho: a morada de Deus, a superação do medo e da tristeza e da paz. Colheremos, com a identificação e com a graça, bons frutos sinodais. A vida, a igreja, a arquidiocese, a paróquia, a comunidade, a missão, o sínodo, têm o lado A e o lado B, o lado bom e o lado ruim. Vamos trabalhar o lado bom deste sínodo. Que seja o sínodo do nosso coração, do encontro, da inclusão, da saída, da escuta e do discernimento.

Dom Pedro Brito Guimarães

Arcebispo de Palmas

Palmas, 16/10/2021

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.

X