Arquidiocese de Palmas

Visita Pastoral é iniciada na Paróquia Santo Antônio

Dom Pedro Brito Guimarães iniciou nesta quinta-feira, 17, às 19h30, com missa, a visita pastoral na Paróquia Santo Antônio no Aureny 3. 

A visita pastoral é instituída pelo direito canônico que versa, "O Bispo é obrigado a visitar cada ano a diocese, total ou parcialmente, de modo que visite a diocese toda ao menos cada cinco anos, por si ou, estando legitimamente impedido, pelo  Bispo coadjutor, pelo auxiliar, pelo Vigário geral ou episcopal, ou por outro presbítero".

Ainda conforme o documento, "a vista pastoral é uma das formas, comprovadas e aprovadas pela experiência dos séculos, com a qual o Bispo mantém contatos pessoais com o clero e com os outros membros do povo de Deus. É ocasião para fazer reviver as energias dos operários do evangelho, louvá-los, encorajá-los e consolá-los; é também ocasião para chamar novamente todos os fiéis à renovação da própria vida cristã, a uma ação apostólica mais intensa. A visita, além disso, permite-lhe avaliar a eficiência das estruturas e dos instrumentos destinados ao serviço pastoral, a tomar conhecimento das circunstâncias e dificuldades do trabalho de evangelização, para depois poder determinar melhor as prioridades e os meios da pastoral orgânica". 

Aludindo ao Evangelho do dia, Dom Pedro falou da importância da postura real do cristão. "Nós não podemos apostar na condenação. Nós não podemos acostumar, achar que é normal a gente odiar, condenar as pessoas. A gente não pode ser cristão da boca pra fora, cristão de banco de igreja e viver na dimensão do ódio. O Senhor disse pra nós todos, quem assim se mostrar, vai ser queimado e jogado fora porque o perdão é ilimitado".

Dom Pedro convidou a comunidade a se envolver na programação da visita que encerra-se no domingo 20. Neste período o Bispo deve passar por escola, unidade de saúde, além das reuniões internas da igreja.

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.

X